Imprimir faturas
English Português

Notícias

Implantação de LT’s 230 kV

A implantação da Linha de Transmissão de Energia 230 kV Nova Santa Rita – Camaquã 3 – Quinta tem por objetivo o adequado atendimento de energia elétrica às regiões de Camaquã e Pelotas/Rio Grande e integra o novo ponto de atendimento da região ao SIN - Sistema Interligado Nacional. A LT 230 kV faz parte de um conjunto de empreendimentos que atendem ao objetivo de reforçar o sistema de transmissão da Área Sul do Estado do Rio Grande do Sul e promover maior segurança no abastecimento de energia elétrica da população gaúcha. A entrada em operação comercial destas instalações ocorreu em 09 de dezembro de 2014.

A linha de transmissão em 230 kV, com extensão de 290 km, tem origem na SE Nova Santa Rita e vai até a SE Camaquã 3 de onde segue até a SE Quinta. Em seu caminhamento, a linha de transmissão passará pelos Municípios de Nova Santa Rita, Triunfo, Charqueadas, Eldorado do Sul, Guaíba, Mariana Pimentel, Sertão Santana, Cerro Grande do Sul, Camaquã, Cristal, São Lourenço do Sul, Turuçu, Pelotas, Capão do Leão e Rio Grande, localizados no Estado do Rio Grande do Sul. A totalidade dos municípios no estado do Rio Grande do Sul por onde passa a LT 230 kV Nova Santa Rita- Camaquã 3-Quinta é de 15.

A linha de transmissão 230 kV Nova Santa Rita – Camaquã 3 – Quinta é composta por um total de 608 torres de transmissão.

Em 19 de dezembro de 2014, o trecho da Linha de Transmissão 230 kV Camaquã 3 – Quinta, foi seccionado pela TSLE – Transmissora Sul Litorânea de Energia S.A. na SE Povo Novo 525/230 kV, integrando-as ao Sistema de Transmissão em 525 kV daquela concessionária, associado aos Parque Eólicos implantados pela ELETROSUL Centrais Elétricas S.A na região de Chuí e Santa Vitória do Palmar, extremo sul do Estado do Rio Grande do Sul. Os trechos resultantes deste seccionamento conformaram as Linhas de Transmissão Camaquã 3 – Povo Novo e Povo Novo – Quinta e constituem-se em alternativas de escoamento da energia gerada por aqueles parques para o SIN – Sistema Interligado Nacional.

       

Voltar